multi midia
ESPORTES

Com 50% do estádio pronto e a ida do goleiro Bruno para o BOA, Ituiutaba poderá ter time de volta

MG - FUTEBOL/BOA/BRUNO - ESPORTES - O goleiro Bruno, contratado pela equipe do Boa Esporte, é apresentado   nesta terça-feira, 14, na cidade de Varginha, no sul de Minas Gerais.   Bruno estava preso desde 2010, acusado pelo assassinato de sua ex-amante,   Eliza Samudio. Em 2013, ele foi condenado a 22 anos e 3 meses pelo   sequestro, assassinato e ocultação de cadáver de Eliza, mas, como não teve   seu recurso julgado desde então, conseguiu sua liberdade provisória no dia   24 de fevereiro, por decisão do ministro Marco Aurélio Mello, do Superior   Tribunal Federal (STF).   14/03/2017 - Foto: NELSON ANTOINE/AGIF/ESTADÃO CONTEÚDO

Com estádio para 18 mil pessoas 50% pronto, Ituiutaba sonha com a volta do Boa Esporte

A polêmica envolvendo a ida do goleiro Bruno para o Boa Esporte pode fazer com que o clube volte às suas origens. Inicialmente Ituiutaba Esporte, a transferência para Varginha e a mudança de nome foram em 2011, pois a Fazendinha, onde mandava seus jogos, não poderia ser usada na Série B, que a equipe disputaria pela primeira vez naquele ano.

Agora, com a possibilidade da parceria da Prefeitura de Varginha com o Boa não ser renovada, Ituiutaba sonha em ter o retorno do seu clube.

Para isso, a prefeitura da cidade do Pontal do Triângulo trabalha para conseguir do Governo Federal a liberação da verba de cerca de R$ 6 milhões para que seja concluída a construção do Estádio Municipal Júlia Prado, que foi iniciada em 2012, logo após o Boa ir para o Sul de Minas, a 700 quilômetros de distância da sua sede original.

Campanha
Durante a campanha do ano passado, o atual prefeito, Fued Dib (PMDB), sempre destacou o desejo de promover o retorno do Boa Esporte a Ituiutaba.

“O Fued fez uma campanha no sentido de terminar o estádio. E trazer de volta o nosso querido Boa a Ituiutaba. Não foi uma promessa, pois depende de recurso federal, mas é sim um desejo”, garante Vicente de Paula Fontoura Filho, secretário de obras do município.

Responsável por tocar a obra, ele revela que o gramado já está totalmente pronto e um funcionário cuida dele diariamente, para que o serviço não seja perdido.

Além disso, outro passo importante foi a prorrogação do contrato com as empresas que estavam executando a obra antes da paralisação, pois isso evita que seja necessária uma nova licitação.

Fontoura revela que a prefeitura está montando uma comissão e, apoiada por políticos da região, vai trabalhar ainda de forma mais intensa pela liberação dos recursos para o término do estádio pelo Governo Federal, apesar de o valor que ainda falta, cerca de R$ 6 milhões, não é suficiente para todo o projeto.

“Com o que falta do Governo Federal, a gente não conclui o estádio de acordo com o projeto inicial. Mas com algumas adaptações, reduções, gastando menos, podemos, sim, terminá-lo. É uma obra muito boa e temos que terminá-la o mais rápido possível”, afirma o secretário de obras de Ituiutaba.

Em contato com a reportagem do Hoje em Dia, Rone Moraes, presidente do Boa Esporte, descartou uma volta a Ituiutaba, afirmando que o estádio municipal não está pronto.image

“O estádio lá tem 30% das obras concluídas”, afirmou o dirigente do Boa Esporte. Contando o gramado, segundo apontamento da prefeitura de Ituiutaba, pode-se considerar que 50% do projeto está executado.

Mas pessoas próximas aos irmãos que comandam o clube garantem que a possibilidade de retorno às origens é real.
Entre eles, existem opiniões favoráveis à permanência em Varginha, mas também o desejo de retornar a Ituiutaba. “Independentemente do escândalo do Bruno, a volta do Ituiutaba Esporte seria uma questão de tempo. A história do Bruno causou um impacto muito negativo e pode, sim, acelerar o processo”, afirma Vicente de Paula Fontoura Filho.

O tempo depende da liberação dos recursos para a Caixa Econômica Federal, que é gestora do processo e faz o repasse ao Ministério do Esporte, último passo antes da entrada do dinheiro na conta da prefeitura de Ituiutaba.

Relação
O secretário afirma que a boa relação da diretoria do clube com a administração atual pode ser um passo importante para o retorno.

“O Boa não tem nenhum problema com a administração atual de Ituiutaba. Não há resistência. A administração trabalha para terminar o estádio para o clube vir para cá e continuar a história do Ituiutaba Esporte”.

História que ainda segue viva, apesar dos seis anos de separação entre cidade e clube. “A torcida do Boa é muito grande em Ituiutaba. Em Varginha há uma representação seca. Aqui, os jogos têm calor humano. Uma torcida fanática, que tem carinho pelo clube mesmo com ele em Varginha. Ano passado, teve festa pelo título da Série C”, garante o secretário de obras de Ituiutaba . (Colaborou Alexandre Simões)

Diário do Triangulo com informações hojeemdia.com.brSem-título-1-2-768x432

Most Popular

para o Topo