multi midia
GERAL

Ponte na divisa entre estados de SP e MG é alvo de polêmica

16455332

VIPCoordenadora cobra melhorias e DER diz que responsabilidade é do governo federal

A ponte Gumercindo Penteado, que separa os municípios de Colômbia (SP) e Planura (MG), é novamente alvo de polêmica quanto à sua conservação.  A coordenadora da Defesa Civil de Colômbia,  Maria Inácia Macedo Freitas, manifestou preocupação com os problemas estruturais na ponte e cobrou providências da regional do DER, sediada em Barretos. Mas o órgão estadual paulista nega responsabilidade sobre o ponte, citando que a competência para eventuais reparos seria do governo federal, através do DNIT.

“A preocupação vem crescendo nos últimos anos, porque esta ponte foi inaugurada em 1954 e a capacidade máxima de peso, segundo os estudos, é de 24 toneladas. Mas nós sabemos que passam veículos com mais do que isso, pois aqui é o caminho mais curto entre Belém e São Paulo, então o trânsito é intenso durante 24 horas”, afirmou.

Maria Inácia argumentou que as obras de melhoria na rodovia Faria Lima, entre Barretos e Colômbia, executadas pelo governo paulista, causaram erosão devido problema de drenagem de água perto da cabeceira da ponte sobre o Rio Grande e que inclusive foi solicitada vistoria do DER.

“Foi feita galeria de água e a empresa colocou um dissipador, mas que não absorve a água que está recebendo. Com isso o solo erodiu e existe um grande buraco hoje. A gente tem medo que este buraco aumente”, explicou, citando inclusive risco de atingir a cabeceira da ponte se nada for feito no local.

OUTRO LADO
A engenheira Heliane Rodrigues Borges, diretora regional do DER –  Barretos, confirmou que o órgão recebeu solicitação para vistoriar uma “pequena erosão” em galeria próxima à ponte e que serão adotadas as medidas para solucionar este problema. “Sobre a ponte não podemos opinar nada pois não está sob nossa jurisdição.  A responsabilidade da ponte é do DNIT ou do DER de Minas, que fizeram a última intervenção”, declarou.

O engenheiro Leontino Campos Júnior, da equipe do DER – Barretos, esteve no local  e estimou em 15 dias o prazo para execução de obra para resolver a erosão em galeria de água no trecho urbano de Colômbia, próxima à ponte.  “Foi constatada uma pequena erosão, a empresa foi acionada e irá solucionar o problema melhorando esta saída de água”, afirmou.

RADAR
A regional do DER confirmou também que será instalado radar na rodovia Faria Lima, no trecho urbano de Colômbia, que irá ajudar a diminuir a velocidade de entrada dos caminhões na ponte Gumercindo Penteado.

Diário do Triangulo com informações Diário Oline

Most Popular

para o Topo